Enredo do livro Dom Casmurro - Machado de Assis

Atualizada em: 26/02/2017

Estudo da obra Dom Casmurro, de Machado de Assis. Confira o enredo da obra e demais comentários.

Dom Casmurro

Dom Casmurro narra em primeira pessoa a estória de Bentinho que, por circunstância várias, vai se fechando em si mesmo e passa a ser conhecido como Dom Casmurro. Sua estória é a seguinte:

Órfão de pai, criado com desvelo pela mãe em Matacavalos (D. Glória, viúva), José Dias (o agregado), Tio Cosme (advogado e viúvo) e prima Justina (viúva), Bentinho possuía uma vizinha que conviveu como "irmã-namorada" dele, Capitolina - a Capitu. Seu projeto de vida era claro, sua mãe havia feito uma promessa, em que Bentinho iria para um seminário e tornar-se-ia um padre. Cumprindo a promessa Bentinho vai para o seminário, mas sempre desejando sair, pois se tornando padre não poderia casar com Capitu

A vida do seminário, no entanto, não o atrai. Apesar de comprometido pela promessa, também D. Glória sofre com a idéia de separar-se do filho único, interno no seminário. Por expediente de José Dias, o agregado da família, Bentinho abandona o seminário e, em seu lugar, ordena-se um escravo. José Dias, que sempre foi contra ao namoro de Bentinho e Capitu, é quem consegue retirar Bentinho do seminário, quase convencendo D. Glória que o jovem deveria ir estudar no exterior. José Dias era fascinado por direito e pelos estudos no exterior.

Correm os anos e com eles o amor de Bentinho e Capitu. Entre o namoro e o casamento, Bentinho se forma em Direito e estreita a sua amizade com um ex-colega de seminário, Escobar, que acaba se casando com Sancha, amiga de Capitu.

Do casamento de Bentinho e Capitu nasce Ezequiel. Escobar morre afogado e, durante seu enterro, Bentinho julga estranha a forma pela qual Capitu contempla o cadáver. Percebe que Capitu não chorava, mas aguçava um sentimento fortíssimo e precipita-se a crise. À medida que cresce, Ezequiel se torna cada vez mais parecido com Escobar. E Bentinho já havia encontrado, às vezes, Capitu e Escobar sozinhos em sua casa. Embora confiasse no amigo, que era casado e tinha até filha, o desespero de Bentinho é imenso. Bentinho muito ciumento chega a planejar o assassinato da esposa e do filho, seguido pelo seu suicídio, mas não tem coragem. A tragédia dilui-se na separação do casal.

Capitu viaja com o filho para a Europa, onde morre anos depois. Ezequiel volta ao Brasil para visitar o pai e conta da morte da mãe. Bentinho repara a semelhança entre Ezequiel e o antigo colega de seminário. Ezequiel volta a viajar e morre no estrangeiro. Bentinho, cada vez mais fechado em suas dúvidas, passa a ser chamado de casmurro pelos amigos e vizinhos, e põe-se a escrever de sua vida, surgindo então o romance Dom Casmurro.

Dom Casmurro

Resumo Dom Casmurro

Dom Casmurro - A Obra

Machado de Assis - Dom Casmurro

Problemática do Livro Dom Casmurro

Enredo do Livro Dom Casmurro

Estilo de época do Livro Dom Casmurro

Personagens do Livro Dom Casmurro

Download do livro completo Dom Casmurro

Fique atento às datas e cronogramas do Enem, SiSU e ProUni, pois são curtos os prazos de inscrições. Participe de nossas redes sociais e tenha acesso a vários materiais importantes: Facebook, Google+ e Twitter. Compartilhe este material.

Recomendamos para você
Comentários