- UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS - UFLA -
- PROVA DE HISTÓRIA - VESTIBULAR 2001 -

01) Observe as proposições abaixo:
1. Uma característica marcante do final da Idade Média foi a disputa por territórios.
2. A Guerra dos Cem Anos (1337 - 1453) teve como objeto a disputa territorial entre Inglaterra e Alemanha.
3. A peste bubônica marcou a Europa na Baixa Idade Média.
4. Com a diminuição da produção agrícola, o comércio europeu ganha mais importância.
5. A falta de comida levou milhares de pessoas à morte na Europa.
Indique a alternativa em que TODAS as proposições referem-se à decadência do feudalismo.
a) 1 - 2 - 3 - 5                        d) 2 - 3 - 4 - 5
b) 1 - 2 - 4 - 5                        e) 1 - 2 - 3 - 4
c) 1 - 3 - 4 - 5

02) As proposições abaixo dizem respeito a aspectos históricos da I Guerra Mundial. Numere-as de acordo com sua característica e, em seguida, assinale a alternativa correspondente:
1. Causa                  ( ) A "Paz Armada"
2. Conseqüência           ( ) A II Guerra Mundial
                          ( ) A formação de alianças
                          ( ) EUA surgem como potência econômica mundial
                          ( ) Disputa de mercados coloniais na Ásia e África
a) 2 - 2 - 1 - 1 - 2                    d) 1 - 2 - 2 - 1 - 2
b) 1 - 1 - 1 - 2 - 1                    e) 1 - 2 - 1 - 2 - 1
c) 2 - 1 - 2 - 1 - 2

03) Observe o texto e comentário que se seguem:
TEXTO: "(...) A vida cotidiana na colônia se mostrava, portanto, impregnada de demônios. Em contrapartida, o universo econômico era freqüentemente associado a elementos divinos. Como se, de fato, a colônia fosse um lugar de passagem, propício à purgação dos pecados cometidos aqui ou na metrópole. Esta era o destino final, o ponto a que se almejava regressar, uma vez pagas as penas, e para onde também se dirigia a produção colonial."
SOUZA, Laura de Melo e. O Diabo a Terra de Santa Cruz: feitiçaria e religiosidade popular no Brasil Colonial. São Paulo: Cia. Das Letras, 1986, p.145

COMENTÁRIO: A autora busca demonstrar na obra e no trecho em questão como a ação da Igreja Católica se fez presente no cotidiano social da colônia e como este cotidiano era controlado por um rígido controle moral. Por outro lado, demonstra tanto a perfeita simbiose entre os interesses do Estado português e da Igreja, na colônia brasileira, quanto ao funcionamento do pacto colonial.

Indique nas alternativas abaixo, a análise MAIS CORRETA de ambos:
a) O comentário está correto, mas deixa de abordar alguns aspectos presentes no texto.
b) Não existe correlação entre o texto e o comentário exposto.
c) O comentário erra ao associar Igreja e Estado no período colonial brasileiro.
d) O comentário faz uma análise correta do texto em todos os seus aspectos, fazendo um paralelo entre a estrutura social e a economia colonial, extrapolando-a mesmo, ao texto.
e) O comentário exposto é correto e se limita exclusivamente ao apresentado no texto.

04) Quanto ao quadro político do II Império, NÃO É CORRETO afirmar que:
a) O partido republicano surgiu de uma dissidência radical do partido liberal.
b) As campanhas abolicionistas e republicanas caminharam separadamente no interior da discussão político-econômica.
c) Prevaleceu a idéia de conciliação política, concretizada pela alternância do partido liberal e conservador no poder político.
d) A experiência do Parlamentarismo, instituído a partir de 1847, tinha por objetivo preservar a imagem do imperador.
e) A confirmação da hegemonia econômica da "burguesia cafeeira" do oeste paulista altera o equilíbrio de forças políticas do Império a partir de 1870.

05) Observe o esquema apresentado abaixo:

O esquema apresentado sintetiza a tendência da evolução político-partidária do
a) I Império e partidos políticos das regências.
b) II Império e República Velha.
c) I e II Impérios.
d) período compreendido pelo II Império.
e) período regencial até se consolidar nos partidos hegemônicos do II Império.

06) Leia o seguinte texto:
"A rebelião comunista, conhecida como a Intentona Comunista, começou na noite de 23 de novembro, em Natal. Soldados, trabalhadores ferroviários e outros civis fizeram saques a bancos e lojas. O movimento repercutiu em outras áreas do Brasil.
A reação do governo foi violenta. Milhares de prisões foram efetuadas, não só de comunistas, mas também de simpatizantes e de pessoas que de nada sabiam.
Era o início do fechamento do sistema político."

O "fechamento do sistema político" a que o texto se refere diz respeito:
a) ao Golpe Militar de 64.
b) à promulgação do AI-5.
c) à República da Espada.
d) ao Estado Novo.
e) ao Governo do "Marechal de Ferro".

01 - C 02 - E 03 - D 04 - B 05 - E 06 - D