FIES: Cursos à distância são aprovados por comissão da câmara dos deputados

A Comissão de Educação da Câmara dos Deputados aprovou a inclusão de cursos de graduação e de pós-graduação à distância no Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies).

A partir de então, a decisão da comissão deve beneficiar milhares de estudantes no país, após aprovação nas demais comissões.

O novo projeto de inclusão de cursos à distância no Fies ainda precisa passar pelas seguintes comissões para ser aprovado:

  • Comissão de Finanças e Tributação
  • Comissão de Constituição e Justiça

Entidades ligadas à Educação se manifestaram favoráveis ao projeto.

FIES: Especialista comenta sobre novo projeto

De acordo com Janes Fidélis Tomelin, que é diretor de qualidade na EAD pela ABED (Associação Brasileira de Educação à Distância) e pró-reitor de ensino EAD da UniCesumar, o projeto de inclusão de cursos a distância do Fies apresenta uma série de benefícios para os estudantes, principalmente considerando os grupos sociais C e D.

Nas palavras dele: “Estamos falando de adultos trabalhadores, com família e divisão de renda que impossibilita o pagamento dos estudos e a realização dos sonhos. Mesmo com valores acessíveis, ainda é desafiador para este perfil de público“.

Nesse sentido, o especialista avalia que o Projeto de Lei democratiza e cria uma acessibilidade para as classes sociais mais desfavorecidas financeiramente. Ainda de acordo com ele, “são cursos de qualidade, ofertados para qualquer classe social“.

Segundo Tomelin, as taxas de evasão do Ensino a Distância tem sido maiores do que no Ensino Presencial. E o principal fator que reforça essa realidade é justamente a dificuldade financeira que muitos enfrentam para manter os estudos universitários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.