Mestrado gratuito é oferecido pela Unesp no Amazonas; Confira as vagas

Desenvolvido com o objetivo de preencher a demanda por mão de obra qualificada, o Curso de Mestrado em Gestão e Regulação de Recursos Hídricos, que é coordenado pela UNESP (Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita), e oferecido por meio de parceria fechada com outras 13 (treze) universidades públicas de todas as regiões do Brasil, está ofertando um total de 266 vagas novas para formar uma nova turma, cujas aulas vão ser iniciadas no mês de março de 2022.

A Universidade do Estado do Amazonas (UEA) será contemplada com 24 vagas, sendo 8 (oito) vagas para o núcleo de Parintins, e as outras 16 (dezesseis) vagas direcionadas para a capital do estado do Amazonas, Manaus (AM).

Este mestrado é gratuito, e seu nome oficial é Mestrado Profissional em Rede Nacional em Gestão e Regulação de Recursos Hídricos (ProfÁgua).

Trata-se de um programa de pós-graduação da modalidade stricto sensu que foi criado no ano de 2015, por meio de uma iniciativa da Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA), e sendo altamente recomendado pela CAPES, que é a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, vinculado ao Ministério da Educação.

Este é um curso que terá uma duração total de 24 meses e que tem como objetivo a capacitação de profissionais para atuar nos órgãos públicos, em comitês de bacia hidrográfica, nos conselhos de recursos hídricos e também na iniciativa privada, se assim for de interesse do acadêmico.

Aqueles que tiverem interesse neste mestrado gratuito da UNESP devem fazer a sua inscrição diretamente no site da Unesp. As inscrições podem ser feitas até o dia 19 de janeiro de 2022.

Para finalizar a inscrição no Mestrado da UNESP, é necessário o pagamento de uma taxa de inscrição no valor de R$ 76 reais.

Além disso, é preciso também enviar, na forma de anexo, as cópias dos documentos que são exigidos no edital relativo ao Processo Seletivo ProfÁgua de 2022.

Outro requisito é que os candidatos também devem apresentar 1 (uma) proposta de Projeto de Pesquisa que esteja focado em alguma das 2 (duas) seguintes linhas de estudo:

  • Instrumentos da Política de Recursos Hídricos
  • Regulação e Governança de Recursos Hídricos

O calendário que foi divulgado pela UNESP indica que o resultado oficial da 1ª etapa da seleção vai ser conhecido no dia 2 de fevereiro de 2022.

As matrículas, por sua vez, estão com previsão de serem feitas entre os dias 15 e 18 de março.

Por outro lado, as aulas do Mestrado Gratuito devem começar a serem ministradas a partir do dia 21 de março de 2022, que é, não por coincidência, a véspera do Dia Mundial da Água (22 de março de cada ano).

De acordo com a Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA), desde o ano de 2015, o ProfÁgua já conseguiu formar 300 mestres em todas as regiões do país.

De uma forma geral, estes são profissionais que, de acordo com a agência, estão preparados para lidar com os desafios mais complexos da gestão e da regulação dos recursos hídricos no país.

Para além disso, a ANA também afirmou que já investiu um total de mais de R$ 7,3 milhões de reais no oferecimento deste mestrado. Nesse sentido, este é um investimento bastante significativo e que representa a importância de se investir na formação desse tipo de profissional no Brasil.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.