Valor de bolsas da Fapemig terá reajuste de 25%

O governador Romeu Zema anunciou, nesta segunda-feira, 25 de outubro, o reajuste de 25% no valor das mensalidades das bolsas de formação concedidas pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig).

O reajuste beneficiará um total de 4.368 bolsistas, sendo bolsas de formação concedidas em cotas institucionais para iniciação cientifica, mestrado, doutorado e pós-doutorado, incluindo as bolsas do Programa Institucional de Iniciação Científica – PIBIC, do Programa de Apoio à Pós-Graduação – PAPG e do Programa de Capacitação de Recursos Humanos – PCRH.

A recomposição no valor das bolsas, por meio de recursos orçamentários da Fapemig, simboliza um avanço para Minas Gerais, além de um incentivo adicional para a pesquisa, uma vez os valores do benefício financeiro encontravam-se há muitos anos defasados, com o último reajuste realizado em 2013.

A medida, aprovada pelo Conselho Curador da Fapemig no último mês de setembro, passa a vigorar a partir de novembro deste ano. “Além de recompor parcialmente o valor, que se encontra defasado, esperamos atrair e manter talentos para a pesquisa no Estado de Minas Gerais”, afirma o presidente da Fapemig, Paulo Sérgio Lacerda Beirão.

A instituição

Fapemig é a agência de indução e fomento à pesquisa e à inovação científica e tecnológica do Estado de Minas Gerais. A formação de pesquisadores está prevista em sua missão. Atualmente, a Fundação financia 2.839 bolsas de iniciação científica, 903 bolsas de mestrado e 626 bolsas de doutorado por meio de seus programas de formação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.