Estudar Educação Física: entenda como funciona a profissão

Por Atualizado em 02/09/2020 20:07

Se você pensa em estudar educação física, no mínimo, deve gostar muito de praticar exercícios ou de esportes, não é mesmo? Porém, você sabe quais são os campos de atuação possíveis para um profissional de educação física? Tem dúvidas sobre salários, mercado de trabalho e funções do dia a dia? Leia esse texto até o final e encontre todas as respostas que precisa!

Sempre que se fala em escolher uma profissão, pedem para que você pense em algo que você ama fazer. Logo, se você ama esporte ou prática de exercícios físicos, não tem nada que seria mais prazeroso do que fazer isso todos os dias da sua vida. Então, educação física pode realmente ser uma ótima opção!

Porém, se você acha que estudar educação física pode ser moleza ou, até mesmo, tem a mentalidade de que esse profissional não precisa estudar muito e que dá para levar os 4 anos de graduação somente praticando esporte, você está enganado. Dê uma olhada no que você irá estudar, se realmente decidir cursar a graduação de Educação Física.

Estudar Educação Física: o que você precisa saber sobre a graduação?

Para a tristeza de alguns, educação física não é somente esportes. Para ser um educador, é necessário que você tenha muito conhecimento sobre  o corpo humano, sua anatomia, a biomecânica dos movimentos corporais e os efeitos que a prática de exercícios físicos exerce no organismo.

Um ponto importante, é que no caso da Educação Física você pode seguir dois caminhos distintos já na graduação. No caso, o bacharelado ou a licenciatura. Calma, já vamos te explicar o que significa cada um.

Em uma explicação um pouco mais rasa, o bacharelado é voltado para formar profissionais que vão atuar diretamente no mercado de trabalho. Na prática, o que isso significa? Isso mesmo, que você vai ser contratado por um time para ser seu educador físico, que poderá atuar como personal trainer ou, até mesmo, ser instrutor de academia, por exemplo.

Agora, a licenciatura vai na contramão disso tudo que lhe foi dito. Nesse caso, o estudante de licenciatura é preparado para ensinar. Traduzindo, essa é a opção ideal para quem deseja ser professor. Somente licenciados podem trabalhar na área de educação.

Há universidades e faculdades que lhe permitem realizar os dois títulos continuamente. Porém, se a universidade que escolheu não lhe der essa opção, você deverá tomar essa decisão logo no início.

Aproveitando a circunstância, vamos aqui a algumas matérias que você deve encontrar na Matriz Curricular genérica de uma graduação de educação física:

  1. Anatomia do Aparelho Locomotor Humano
  2. Avaliação Física no Esporte
  3. Biomecânica
  4. Bioquímica e Atividade Física
  5. Fisiologia do Exercício
  6. Fundamentos do Jogo
  7. Identidade Profissional
  8. Metodologia do Ensino do Futebol
  9. Psicologia do Esporte
  10. Tópicos em Saúde Coletiva

Como funciona a profissão de Educação Física?

Bom, com a explicação sobre o que é licenciatura e bacharelado, já foi possível entender como, mais ou menos, deve ser o dia a dia deste profissional. Claro que tudo depende da área que deseja seguir, mas algumas coisas são mais evidentes: profissional de educação física não pode ter preguiça.

Isso não significa que você precisa estar 100% em forma todos os dias, mas que você deve ser uma pessoa preocupada com a saúde e com o corpo; e que esteja em constante movimentação ao longo do dia.

Importante lembrar, que a graduação de Educação Física não forma atletas e que sequer tem como pré-requisito um condicionamento físico surpreendente.

Como é o mercado de trabalho da educação física?

Independente de qual seja a carreira que deva seguir (licenciatura ou bacharelado), há muito mercado para este profissional e não precisamos ir muito longe para chegar a essa conclusão.

Vejamos no campo da licenciatura, em todas as escolas, pelo menos no ensino fundamento I e II, a Educação Física é disciplina obrigatória. Ou seja, todas as escolas exigem a presença de um profissional formado em Educação Física. Pensando em uma pós-graduação, por exemplo, há muitas escolas de Dança, por exemplo, onde você também pode atuar como professor.

Agora, pensando no bacharelado, as oportunidades também são grandes. Cada dia mais as pessoas estão começando a se preocupar com a saúde e praticando mais exercícios. Com a prática de exercícios, há espaço para ser instrutor de academia, instrutor de dança, instrutor de artes marciais, personal trainer e etc.

Agora que já sabe o que é necessário para estudar Estudar Educação e como funciona a profissão na prática, queremos saber: gostou de artigo? Suas dúvidas foram respondidas? Compartilhe esse texto com alguns dos seus amigos que tenham interesse em Moda.


Newslatter

Cadastro Newsletter Assine nossa Newsletter Gratuitamente As notícias que você não pode perder diretamente em seu email. Inscreva-se e recebe a Newsletter.

Comentários