Química

Nomenclatura dos Ácidos

De acordo com a Teoria de Arrhenius, ácidos são substâncias que, em solução aquosa, liberam íons H+ (prótons). Eles têm características como sabor azedo e capacidade de mudar a cor de certos indicadores (como tornar o azul de tornassol em vermelho).

Os ácidos são classificados principalmente em dois tipos: hidrácidos e oxiácidos.

NOTA DE CORTE SISU

Clique e se cadastre para receber as notas de corte do SISU de edições anteriores.

QUERO RECEBER AS NOTAS DE CORTE DO SISU

Nomenclatura de Ácidos

A nomenclatura dos ácidos é baseada em regras específicas que variam de acordo com a composição do ácido. Abaixo estão alguns exemplos com destaque nas partes que compõem seus nomes:

Hidrácidos

São ácidos que não contêm oxigênio. Sua nomenclatura é formada pelo termo Ácido seguido do nome do elemento com o sufixo -ídrico. Exemplos:

Publicidade
  • HF: Ácido fluorídrico
  • HCl: Ácido clorídrico

Oxiácidos

São ácidos que contêm oxigênio. Sua nomenclatura depende do número de átomos de oxigênio e do elemento central:

  • HClO: Ácido hipocloroso
  • HClO2: Ácido cloroso
  • HClO3: Ácido clórico
  • HClO4: Ácido perclórico

Nestes exemplos, o termo Ácido é seguido do nome do elemento e o sufixo -oso ou -ico, indicando a quantidade de oxigênio. Os prefixos hipo- e per- indicam uma quantidade menor ou maior de oxigênio, respectivamente.

Publicidade

Uso dos prefixos e sufixos

Os sufixos -oso e -ico são usados na nomenclatura dos ácidos para indicar a quantidade de oxigênio presente na molécula do ácido. Aqui está como esses sufixos são utilizados:

-oso: Este sufixo é usado quando o ácido contém uma menor quantidade de oxigênio. Quando você vê o sufixo -oso após o nome do elemento, isso indica que o ácido contém menos átomos de oxigênio do que a forma com o sufixo -ico. Por exemplo:

  • Ácido sulfuroso (H2SO3): Este ácido contém menos oxigênio em comparação com o ácido sulfúrico, que é representado como H2SO4.

-ico: Este sufixo é usado quando o ácido contém uma quantidade maior de oxigênio. Quando você vê o sufixo -ico após o nome do elemento, isso indica que o ácido contém mais átomos de oxigênio do que a forma com o sufixo -oso. Por exemplo:

  • Ácido sulfúrico (H2SO4): Este ácido contém mais oxigênio em comparação com o ácido sulfuroso, que é representado como H2SO3.

Além disso, os prefixos hipo- e per- são usados para indicar quantidades ainda menores ou maiores de oxigênio em relação aos ácidos comuns:

Hipo-: O prefixo hipo- é usado quando o ácido contém a menor quantidade de oxigênio possível para aquele elemento. Por exemplo:

  • Ácido hipocloroso (HClO): Este ácido contém a menor quantidade de oxigênio em comparação com outros ácidos de cloro.

Per-: O prefixo per- é usado quando o ácido contém a maior quantidade de oxigênio possível para aquele elemento. Por exemplo:

  • Ácido perclóricico (HClO4): Este ácido contém a maior quantidade de oxigênio em comparação com outros ácidos de cloro.

Portanto, o uso de -oso, -ico, hipo- e per- na nomenclatura dos ácidos ajuda a indicar claramente a quantidade relativa de oxigênio presente na molécula do ácido e fornece informações sobre suas propriedades químicas.

Nomenclaturas Especiais

Além dos sufixos e prefixos usuais, alguns ácidos recebem nomes especiais com base em sua hidratação:

  • Ácido ortofosfórico (H3PO4): Ácido + orto (mais hidratado) + fosfórico
  • Ácido metafosfórico (HPO3): Ácido + meta (menos hidratado que orto) + fosfórico
    Exemplo: H3PO4 – H2O => HPO3
  • Ácido pirofosfórico (H4P2O7): Ácido + piro (formado pela condensação de duas moléculas orto com perda de água) + fosfórico
  • Exemplo: 2 x H3PO4 – H2O => H4P2O7

Esses exemplos ilustram como a combinação de prefixos, nomes dos elementos e sufixos formam os nomes dos ácidos, ajudando na identificação da sua composição e propriedades.

Tabela de Ácidos Comuns

Confira abaixo a aplicação de alguns dos ácidos mais comuns no dia a dia. Os três primeiros correspondem a ácidos inorgânicos, enquanto os três últimos são ácidos orgânicos.

Fórmula Nome do Ácido Aplicações
HCl Ácido Clorídrico Usado na indústria química e na produção de alimentos.
H2SO4 Ácido Sulfúrico Utilizado na produção de fertilizantes e baterias automotivas.
HNO3 Ácido Nítrico Empregado na fabricação de explosivos e produtos químicos.
CH3COOH Ácido Acético Essencial na produção de vinagre e conservação de alimentos.
C6H8O7 Ácido Cítrico Usado como acidulante e aromatizante em alimentos e bebidas.
C3H6O3 Ácido Lático Produzido no metabolismo muscular durante o exercício.

Entender esses padrões na nomenclatura dos ácidos é fundamental para a compreensão e memorização dos nomes dos diferentes ácidos, especialmente em preparações para exames como o ENEM.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *