Questões sobre Viroses: Dengue, Aids, Chikungunya, Zika

Por Atualizado em 08/03/2019 8:08

01) (Unicamp/2015) Campinas viveu no verão deste ano a maior epidemia de dengue da sua história e situação semelhante foi observada em outras cidades brasileiras. Indique o vetor dessa virose, onde ele se reproduz e a situação de temperatura que influencia sua reprodução:

A) O vetor do vírus da dengue é o Aedes aegypti. Suas fases imaturas desenvolvem-se no solo e há diminuição na sua reprodução em temperaturas abaixo de 17° C.
B) O vetor do vírus da dengue é o Culex quiquefasciatus. Suas fases imaturas desenvolvem-se na água suja e há aumento na sua reprodução em temperaturas abaixo de 17° C.
C) O vetor do vírus da dengue é o Aedes aegypti. Suas fases imaturas desenvolvem-se na água limpa e há diminuição na sua reprodução em temperaturas abaixo de 17°C.
D) O vetor do vírus da dengue é o Culex quiquefasciatus. Sua reprodução se dá no solo e sofre aumento em temperaturas abaixo de 17° C.

02) (Enem/2013 – PPL) A figura representa a análise gráfica de um estudo acerca da dispersão de uma doença transmitida a um grupo de pessoas que compartilhou um mesmo ambiente de trabalho.


De acordo com o padrão apresentado no gráfico, a transmissão da doença ocorreu por:

A) ingestão de água contaminada no mesmo ambiente de trabalho.
B) consumo de alimentos estragados vindos da mesma fonte.
C) contaminação pelo ar a partir de uma pessoa infectada.
D) infecção do grupo por insetos vetores.
E) manipulação de objetos contaminados.

03) (Unicamp/2017) O HPV faz parte do grupo dos caudovírus. As verrugas genitais causadas pela infecção do vírus foram estudadas desde a Antiguidade, porém o vírus só foi descoberto 40 anos atrás. Pode-se afirmar corretamente que:

A) A principal forma de se adquirir o HPV é através da ingestão de alimentos contaminados.
B) O câncer de colo de útero não pode ser causado pelo vírus HPV.
C) O vírus HPV pode permanecer latente por vários anos.
D) Não há tratamento nem vacina para o HPV.

04) (Enem) Uma nova preocupação atinge os profissionais que trabalham na prevenção da AIDS no Brasil. Tem-se observado um aumento crescente, principalmente entre os jovens, de novos casos de AIDS, questionando-se, inclusive, se a prevenção vem sendo ou não relaxada. Essa temática vem sendo abordada pela mídia:

“Medicamentos já não fazem efeito em 20% dos infectados pelo vírus HIV.
Análises revelam que um quinto das pessoas recém-infectadas não haviam sido submetidas a nenhum tratamento e, mesmo assim, não responderam às duas principais drogas anti-AIDS.
Dos pacientes estudados, 50% apresentavam o vírus FB, uma combinação dos dois subtipos mais prevalentes no país, F e B”. Adaptado do Jornal do Brasil, 02/10/2001.

Dadas as afirmações acima, considerando o enfoque da prevenção, e devido ao aumento de casos da doença em adolescentes, afirma-se que
I. O sucesso inicial dos coquetéis anti-HIV talvez tenha levado a população a se descuidar e não utilizar medidas de proteção, pois se criou a ideia de que estes remédios sempre funcionam.
II. Os vários tipos de vírus estão tão resistentes que não há nenhum tipo de tratamento eficaz e nem mesmo qualquer medida de prevenção adequada.
III. Os vírus estão cada vez mais resistentes e, para evitar sua disseminação, os infectados também devem usar camisinhas e não apenas administrar coquetéis.

Está correto o que se afirma em
A) I, apenas.
B) II, apenas.
C) I e III, apenas.
D) II e III, apenas.
E) I, II e III.

05) (UFSM/2011) Dentre as doenças e endemias humanas listadas a seguir, qual(is) é(são) a(s) causada(s) por vírus?
I. Tétano
II. Tuberculose
III. Raiva
IV. Doença de Chagas

Está(ão) correta(s)
A) apenas I
B) apenas II
C) apenas III
D) Apenas I e II
E) Apenas III e IV

06) (UFU/2016.2) Observe a figura a seguir:

Disponível em: <http://jornalnovametropole.com.br/wp/?tag=saude-publica>. Acesso em 13 de dez. 2015 (Adaptado).

A partir da análise da figura, considere as afirmativas a seguir.
I. Os mosquitos do gênero Aedes representam os agentes etiológicos da microcefalia, em bebês recém-nascidos, que retardam o desenvolvimento neurológico.
II. Uma medida profilática que pode impedir a expansão dessa tríplice epidemia é evitar a proliferação de mosquitos transmissores.
III. Caso a vacina contra a dengue seja liberada, ela tornará as pessoas protegidas dessa doença e diminuirá os casos de Chikungunya e de Zika.
IV. A ocupação de áreas que apresentam alta incidência de mosquitos do gênero Aedes aumenta a chance de transmissão do vírus da febre Chikungunya, do Zika e da dengue às populações humanas.

Assinale a alternativa que apresenta apenas afirmativas corretas.
A) II e IV.
B) I, II e III.
C) II, III e IV.
D) I e IV.

07) (UFTM/2015) O herpes-zóster é uma infecção provocada pelo mesmo tipo de agente etiológico da catapora (varicela-zóster), que pode permanecer latente ou inativo na coluna espinhal e ser reativado depois dos 50 anos de idade, se houver queda expressiva da imunidade, durante tratamentos de quimioterapia, doenças debilitantes ou nos períodos de estresse intenso. São doenças causadas pelo mesmo grupo do agente etiológico do herpes-zóster e da catapora:
A) Resfriado comum, Caxumba e Botulismo.
B) Herpes, Poliomielite e Febre Maculosa.
C) Meningite, Pneumonia e Tétano.
D) Dengue, AIDS e Febre amarela.
E) Rubéola, Sarampo e Cólera.

08) (UNESP/2012) Em 2008, a Secretaria Estadual de Saúde e pesquisadores da Fundação Oswaldo Cruz, ambas do Rio de Janeiro, confirmaram um caso de dengue adquirida durante a gestação. A mãe, que havia adquirido dengue três dias antes do parto, deu à luz uma garotinha com a mesma doença. O bebê ficou internado quase um mês, e depois recebeu alta.

Pode-se afirmar corretamente que esse caso
A) contradiz a hipótese de que a criança em gestação receba, por meio da barreira placentária, anticorpos produzidos pelo organismo materno.
B) contradiz a hipótese de que a dengue é uma doença viral, uma vez que pode ser transmitida entre gerações sem que haja a participação do Aedes aegypti.
C) confirma que a dengue é uma doença infecto-contagiosa, que só pode ser transmitida de pessoa para pessoa através de um vetor.
D) demonstra a possibilidade da transmissão vertical, de pessoa para pessoa, através do contato da pessoa sadia com secreções da pessoa doente.
E) demonstra a possibilidade de o vírus da dengue atravessar a barreira placentária, sem que seja necessária a presença de um vetor para sua transmissão.

09) (Acafe/2016 – Medicina) A febre do Zika vírus é uma doença aguda, cujo vírus causador da doença foi identificado pela primeira vez no Brasil em abril de 2015. O vírus Zika recebeu a mesma denominação do local de origem de sua identificação em 1947, após detecção em macacos sentinelas para monitoramento da febre amarela, na floresta Zika, em Uganda.

A figura a seguir representa as Unidades da Federação com casos autóctones de febre pelo vírus Zika com confirmação laboratorial até a Semana Epidemiológica 9, Brasil, 2016.

Fonte: Sinan e Secretarias Estaduais de Saúde (atualizado em 05/03/2016). Disponível em: http://portalsaude.saude.gov.br

Nesse sentido, analise as afirmações a seguir e marque V para as verdadeiras e F para as falsas.
(   ) O Zika vírus (ZIKAV) é um DNA vírus, do gênero Flavivírus. Até o momento, são conhecidas e descritas duas linhagens do vírus: uma Africana e outra Asiática.
(   ) A febre do Zika é uma doença viral, transmitida principalmente por mosquitos, tais como Aedes aegypti, caracterizada por exantema maculopapular pruriginoso, febre intermitente, hiperemia conjuntival não purulenta e sem prurido, artralgia, mialgia e dor de cabeça. Apresenta evolução benigna e os sintomas geralmente desaparecem espontaneamente após 3-7 dias.
(   ) O principal modo de transmissão descrito do vírus Zika é por vetores. No entanto, está descrita na literatura científica a ocorrência de transmissão ocupacional em laboratório de pesquisa e perinatal, além da possibilidade de transmissão transfusional.
(   ) Em relação às medidas de prevenção e controle da febre por Vírus Zika, deve-se reduzir a densidade vetorial por meio da eliminação da possibilidade de contato entre mosquitos e água armazenada em qualquer tipo de depósito, impedindo o acesso das fêmeas por intermédio do uso de telas/capas ou mantendo-se os reservatórios ou qualquer local que possa acumular água totalmente cobertos. A proteção individual por meio do uso de repelentes também pode ser implementada pelos habitantes.
(   ) Assim como a dengue e a febre Zika, a febre Chikungunya é uma doença infecciosa febril, causada por um vírus, tendo como vetor exclusivo o mosquito Aedes aegypti.

A sequência correta, de cima para baixo, é:
A) F – V – V – V – F
B) F – V – F – V – V
C) V – F – V – F – V
D) V – V – V – F – V

10) (UDESC/2016.2) Nos noticiários há muita ênfase às doenças: dengue, zica, febre amarela, chikungunya e mais recentemente a gripe H1N1 causadas por vírus.
Analise as proposições com relação à transmissão dos vírus.
I. Alguns tipos de vírus podem ser transmitidos pelo simples toque entre as pessoas.
II. Alguns vírus são transmitidos pelas secreções corporais.
III. Alguns vírus necessitam de insetos como vetores.
IV. Os vírus retêm sua capacidade infectante por pouco tempo, quando fora do organismo hospedeiro.

A) Somente as afirmativas I, II e IV são verdadeiras.
B) Somente as afirmativas II e III são verdadeiras.
C) Somente as afirmativas I, II e III são verdadeiras.
D) Somente as afirmativas II e IV são verdadeiras.
E) Somente as afirmativas III e IV são verdadeiras.

11)   (Campo Real/2018) O Ministério da Saúde anunciou, no mês de setembro de 2017, o fim do surto de febre amarela no País. Segundo a pasta, desde junho não havia registro de novos casos. Ao todo, foram 777 casos e 261 mortes entre dezembro de 2016 e agosto de 2017.

(Fonte: <https://g1.globo.com/bemestar/noticia/ministerio-da-saude-anuncia-fim-do-surto-de-febre-amarela.ghtml>. Acessado em 16/09/2017.)

A respeito de medidas de prevenção de doenças, considere os seguintes itens:
1. Ampliação da cobertura vacinal.
2. Controle da proliferação de insetos.3. Higienização dos alimentos.
No caso da febre amarela:

A) somente a medida 1 é válida.
B) somente a medida 2 é válida.
C) somente a medida 3 é válida.
D) somente as medidas 1 e 2 são válidas.
E) as medidas 1, 2 e 3 são válidas.

12) (Unichristus/2018)  “Afeta frequentemente crianças, com formação de pústulas na pele, que regridem após três ou quatro dias; a infecção também pode atingir diversos órgãos internos. O DNA viral permanece, em geral, em estado latente nos gânglios nervosos espinais e pode ser ativado décadas mais tarde.”

Essa descrição está relacionada a uma doença denominada
A) poliomielite.
B) rubéola.
C) febre amarela.
D) malária.
E) catapora

Gabarito das Questões sobre Viroses: Dengue, Aids, Chikungunya, Zika

01) O vetor do vírus causador da dengue é o mosquito Aedes aegypti, cujas larvas desenvolvem-se em águas paradas e limpas. A reprodução do mosquito é reduzida em águas cuja temperatura encontra-se abaixo de 17°C.
Resp.: C

02) Essa questão merece uma análise cuidadosa do gráfico. Observa-se que no tempo 0 (zero) há uma pessoa contaminada no ambiente. Depois de 4 horas há 2 pessoas contaminadas. Entre 10 e cerca de 25 horas, houve um aumento exagerado no número de pessoas contaminadas, indicando que as pessoas estão respirando um mesmo ar contaminado (ainda que estejam dormindo).
Resp.: C

03) O Papilomavirus humano (HPV) é transmitido principalmente através de relações sexuais, e causa verrugas nas áreas genitais, boca, garganta e ânus. Seu período de incubação varia de 3 semanas a 8 meses, porém, há casos em que o vírus permanece latente (incubado) por até 15 anos, manifestando-se quando o sistema imunológico está enfraquecido.
Resp.: C

04) I. Plausível
II. Falsa. Para a aids, o uso de preservativos é uma medida profilática muito eficaz.
III. Plausível.
Resp.: C

05) Tétano e tuberculose são causadas por bactérias, enquanto a doença de Chagas é causada por protozoário flagelado.
Resp.: C

06) I. Falsa. A microcefalia pode ser causada pelo vírus Zika (não pelo mosquito).
II. Verdadeira.
III. Falsa. As vacinas induzem a produção de anticorpos, que são específicos para certo antígeno.
IV. Verdadeira.
Resp.: A

07) A: Falsa (botulismo é causada por bactéria)
B: Falsa ( febre maculosa é causada por uma riquétsia).
C: Falsa. Todas são bacterianas.
D: Verdadeira.
E: Falsa. Cólera é bacteriana.
Resp.: D

08) A situação descrita deixa claro que o vírus passou pela placenta, o que dispensa a existência de um vetor.
Resp.: E

09) Estão incorretas a 1ª e a 5ª afirmativas.
O Zika é um vírus de RNA e o vírus da chicungunha pode ser transmitido também pelo Aedes albopictus.
Resp.: A

10) I. Verdadeira (ex.: vírus H1N1).
II. Verdadeira (ex.: vírus da febre hemorrágica Ebola).
III. Verdadeira (ex.: vírus da febre amarela).
IV. Falsa. Alguns vírus toleram muito tempo fora do corpo (ex.: vírus da herpes pode ficar por mais de 8 semanas fora do corpo).
Resp.: C

11) A febre amarela é transmitida ao homem pela picada de mosquito. Dessa forma, a higienização de alimentos não constitui uma medida profilática para tal doença.
Resp.: D

12) As características citadas no enunciado são da catapora, que se manifesta pela presença de bolhas cheias de líquido na pele. O vírus, contudo, permanece latente nos gânglios nervosos espinhais e pode ressurgir, ocasionando o “cobreiro” ou herpes zoster.
Resp.: E


Questões sobre Viroses: Dengue, Aids, Chikungunya, Zika
5 (100%) 2 votes

Comentários