Governo paga benefício de R$1000; veja quem tem direito

O Ministério da Cidadania iniciou o pagamento da parcela única de R$ 1.000 a famílias de estudantes que se destacaram em competições acadêmicas e científicas ao longo de 2020. A Bolsa de Iniciação Científica Júnior é um dos benefícios de emancipação do Programa Auxílio Brasil. O objetivo é incentivar crianças e adolescentes a se dedicarem aos estudos e a desenvolverem potencialidades na ciência, contribuindo para a melhor integração ao ambiente escolar, elevação da autoestima e profissionalização.

A segunda parcela do Auxílio Brasil também começou a ser paga pelo Governo Federal no dia 10 de dezembro para quem tem Número de Identificação Social (NIS) final 1. Serão contempladas mais de 14,52 milhões de famílias com o valor mínimo de R$ 400.

“O Auxílio Brasil vai além da proteção à população em situação de vulnerabilidade. Reúne ferramentas que abrem caminhos para emancipação dos brasileiros”, afirmou o ministro da Cidadania, João Roma. “A Bolsa Auxílio de Iniciação Científica Júnior é uma dessas ferramentas, pois dá aos estudantes de famílias em situação de vulnerabilidade o incentivo para seguirem se destacando nos estudos, em busca de mais conhecimento e qualidade de vida”, avaliou.

Ao todo, 2.391 estudantes de 2.332 famílias beneficiárias do Auxílio Brasil, em todo o país, foram contemplados. Eles conquistaram medalhas de ouro, prata, ou bronze em cinco olimpíadas credenciadas pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI): Olimpíada Brasileira de Astronomia (OBA), Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR), Olimpíada Internacional de Física e Cultura (iPHCO), Olimpíada Nacional de Ciências (ONC) e Olimpíada Nacional de Aplicativos (ONDA).

O Ministério da Cidadania é o responsável pelo pagamento da parcela única de R$ 1.000 para as famílias, enquanto o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) fará o repasse das 12 parcelas mensais, cada uma no valor de R$ 100, aos estudantes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.