Documentos

SISU 2024: Título de Eleitor é documento obrigatório

Para os candidatos que desejam se inscrever no Sistema de Seleção Unificada (Sisu), o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) lembra que o título de eleitor é um documento essencial para aqueles com mais de 18 anos.

Com a expectativa de que os resultados do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) sejam divulgados em 16 de janeiro de 2024, é crucial que os estudantes se preparem com antecedência, organizando a documentação necessária para a inscrição na plataforma do Ministério da Educação.

NOTA DE CORTE SISU

Clique e se cadastre para receber as notas de corte do SISU de edições anteriores.

QUERO RECEBER AS NOTAS DE CORTE DO SISU

A emissão do título eleitoral é um processo simples e digital. Os interessados devem acessar o Portal do TSE ou do Tribunal Regional Eleitoral de seu estado e seguir as instruções para o “Autoatendimento Eleitoral – Título Net”.

Após selecionar a opção “Tire seu título” e preencher as informações pessoais, será necessário enviar documentos digitalizados ou fotografados, como um documento oficial de identificação, comprovante de residência, comprovante de quitação militar para homens transgêneros e uma foto estilo selfie com o documento de identificação.

Publicidade

Uma vez submetida a solicitação, é importante anotar o número de protocolo e acompanhar o processo online. Se a solicitação for aprovada, o título de eleitor pode ser baixado através do aplicativo e-Título ou impresso a partir do Portal do TSE ou do TRE do estado.

Para quem optar pelo alistamento eleitoral presencial, é necessário verificar a necessidade de agendamento prévio no Portal do TRE do estado ou em uma unidade de atendimento da zona eleitoral.

Publicidade

Vale ressaltar que mesmo pessoas com direitos políticos suspensos podem obter o título de eleitor, embora não possam votar durante o período de suspensão.

O título de eleitor pode ser emitido a partir dos 15 anos de idade, mas o direito ao voto é concedido somente após os 16 anos. Pessoas travestis e transexuais têm a opção de incluir o nome social no título de eleitor. Para mais informações, os candidatos podem acessar a página do Título Eleitoral ou a Carta de Serviços no Portal do TSE.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *