UEG prorroga as inscrições do Vestibular 2019/2

Os candidatos que desejam participar do Vestibular 2019/2 da Universidade Estadual de Goiás (UEG) terão até o dia 29 de abril para efetuarem as inscrições. O prazo estava previsto para encerrar nesta quinta-feira, dia 25 de abril, para realizar a inscrição. As inscrições tiveram início no dia 28 de março. O valor da taxa de inscrição é de R$ 130 para o curso de Arquitetura e Urbanismo, de R$ 120 para os demais cursos e R$ 100 para os candidatos treineiros. Os candidatos têm até o dia 30 de abril para fazer o pagamento da taxa.

Aqueles candidatos que obtiveram a isenção da taxa de inscrição também devem se inscrever.

Provas UEG 2019/2

O Vestibular UEG 2019/2 será realizado em uma única etapa. Os candidatos deverão responder a uma prova objetiva com 52 questões e elaborar uma redação. As provas serão aplicadas no dia 26 de maio, nas cidades de Anápolis, Aparecida de Goiânia, Goiânia, Inhumas, Ipameri, Iporá, Itumbiara, Minaçu, Morrinhos, Palmeiras de Goiás, Pires do Rio, São Luís de Montes Belos, Uruaçu.

Para os candidatos ao curso de Arquitetura e Urbanismo haverá também a prova de habilidade específica, a ser aplicada no dia 5 de maio, em Anápolis.

A previsão é de que os locais da prova de habilidade específica sejam divulgados no dia 03 de maio. Já os locais de provas para os demais cursos serão publicados no dia 22 de maio.

Resultado

A divulgação do resultado da prova de habilidade específica para o curso de Arquitetura e Urbanismo será realizada no dia 15 de maio. De acordo com o cronograma, o resultado preliminar do vestibular será publicado no dia 26 de junho. Já o resultado final será divulgado no dia 16 de julho.

Vagas

São ofertadas 780 vagas nos cursos de graduação para o Vestibular 2019/2 da UEG. As vagas são para as cidades de Anápolis, Aparecida de Goiânia, Goiânia, Inhumas, Ipameri, Iporá, Itumbiara, Minaçu, Morrinhos, Palmeiras de Goiás, Pires do Rio, São Luís de Montes Belos e Uruaçu.

Há 50% das vagas disponíveis ao sistema de cotas para estudantes oriundos da rede pública de educação básica, negros, indígenas e/ou pessoas com deficiência. Também há duas vagas suplentes para os candidatos quilombolas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.