FIES 2022: Notas do Enem 2021 não serão usadas como critério

De acordo com as informações que foram divulgadas pelo MEC (Ministério da Educação), os estudantes inscritos no ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio), edição de 2021, e que pretendem ingressar no ensino superior ainda neste ano irão ficar de fora da disputa por uma vaga no 1º semestre do FIES (Fundo de Financiamento Estudantil).

Acontece que neste ano de 2022, as últimas provas do Enem ainda estão ocorrendo, 9 e 16 de janeiro. Ou seja, o segundo dia de aplicação da prova ainda ocorrerá no próximo domingo. Nestes dias, as provas do Enem estão sendo aplicadas para os estudantes que tiveram o pedido de isenção deferido na edição anterior, mas que não compareceram para fazer as provas por medo do contágio pelo novo vírus, assim como os estudantes que apresentaram doenças infectocontagiosas ou que tiveram problemas logísticos no período de aplicação da primeira etapa das provas. Como também, serão aplicadas para as pessoas privadas de liberdade ou que estão sob efeito de medidas socioeducativas. Este é o chamado Enem PPL.

Nesse sentido, a justificativa oficial para a não utilização das notas do Enem 2021 para este 1º semestre do ano no FIES é que o resultado do exame só vai ser divulgado dia 11 de fevereiro.

Dessa forma, os calendários do Enem 2021 e do FIES 2022 entraram em conflito, especialmente por conta de uma distância maior para a divulgação do resultado oficial das notas dos estudantes.

Porém, apesar disso, é esperado que a nota do Enem 2021 já possa ser usada no FIES 2022, a partir do segundo semestre do ano.

Além disso, é válido ressaltar também que, embora o Enem 2021 ainda esteja com o seu processo de aplicação em andamento, os interessados em começar uma graduação por meio do Fies podem usar a nota do Enem feito de 2010 a 2020. Ou seja, quem fez a prova do Enem nesse intervalo de 10 (dez) anos já pode se candidatar a uma vaga do programa já neste primeiro semestre do ano.

Como se inscrever no FIES 2022

Para se candidatar a uma vaga no Fies (Fundo de Financiamento Estudantil), o estudante precisa ter a nota do Enem com pontuação igual ou acima de 450 pontos de média nas provas, e uma nota maior do que zero na Prova de Redação.

Além disso, é preciso respeitar a renda familiar mensal de, no máximo, 3 (três) salários mínimos por pessoa.

São estes os requisitos, portanto, que o estudante deve seguir para fazer a sua inscrição no FIES e assim concorrer a uma vaga na faculdade por meio do programa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.