Prouni

Veja como consultar Bolsas Prouni 2024

O Programa Universidade para Todos (Prouni) é um programa do governo federal, que oferta bolsas de estudo, integrais e parciais, em cursos de graduação e sequenciais de formação específica, em instituições de educação superior privadas.

A consulta de bolsas ofertadas para aprimeira edição de 2024 será liberada neste dia 19 de janeiro, pelo Ministério da Educação (MEC).

NOTA DE CORTE SISU

Clique e se cadastre para receber as notas de corte do SISU de edições anteriores.

QUERO RECEBER AS NOTAS DE CORTE DO SISU

Como consultar bolsas do Prouni 2024?

Para consultar as bolsas do Prouni do 2024, você pode acessar o portal acessounico.mec.gov.br/prouni e realizar uma busca avançada por tipo de bolsa, modalidade, curso, turno, instituição e localidade do campus.

Quem pode se inscrever no Prouni 2024?

Para se inscrever no Prouni do 2024, você precisa ter participado do Enem 2023 e ter obtido no mínimo 450 pontos nas provas objetivas e nota maior que 0 na redação.

Publicidade

Critérios de renda

Além disso, você precisa atender aos critérios de renda familiar e escolaridade estabelecidos pelo programa. As inscrições para o primeiro semestre de 2024 serão realizadas entre os dias 29 de janeiro a 1° de fevereiro, por meio do site do Programa.

Datas Prouni 2024 primeiro semestre

  • Divulgação do edital: 17 de janeiro;
  • Consulta de bolsas: 19 de janeiro;
  • Inscrições: 29 de janeiro a 1° de fevereiro;
  • Resultado da 1ª chamada: 4 de fevereiro;
  • Comprovação de informações da 1ª chamada: 4 a 14 de fevereiro;
  • Resultado da 2ª chamada: 24 de fevereiro;
  • Comprovação de informações da 2ª chamada: 24 de fevereiro a 3 de março;
  • Prazo para participar da lista de espera: 14 a 15 de março;
  • Divulgação da lista de espera: 18 de março;
  • Comprovação de informações da lista de espera: 21 a 28 de março.

Requisitos para participar do Prouni 2024

Conforme edital do Prouni, veja os requisitos para participar:

Publicidade
  • Ter feito o Enem 2022 ou 2023 e obtido nota média igual ou superior a 450 pontos, sem ter zerado a redação.
  • Ter cursado o ensino médio completo em escola pública ou em escola privada com bolsa integral.
  • Ter renda familiar bruta mensal de até um salário mínimo e meio por pessoa para bolsas integrais, ou de até três salários mínimos por pessoa para bolsas parciais.
  • Não ter diploma de curso superior.
  • Atender a pelo menos uma das seguintes condições: ser pessoa com deficiência; ser professor da rede pública de ensino básico, no efetivo exercício do magistério e integrando o quadro de pessoal permanente da instituição; ser autodeclarado preto, pardo, indígena ou quilombola.
  • Os critérios de seleção e desempate são baseados na nota do Enem e no perfil socioeconômico do candidato.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *